terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Conheça melhor a Alcachofra

A alcachofra (Cynara scolymus) que consumimos é uma flor imatura, pertencente à mesma família das margaridas e dos girassóis - a família das Compostas. 

Conta-se que ela saiu do jardim e foi para a mesa na época do Império Romano, quando suas propriedades nutritivas e medicinais foram descobertas e a alcachofra passou a ser privilégio apenas da mesa de nobres e reis. 

Considerada uma iguaria exótica, esta hortaliça parece ter sido feita para ser deliciada a cada pétala e não para ser devorada. Afinal, dela consumimos apenas a parte carnuda das "pétalas" e o "fundo" da flor, depois de retirados os espinhos. 

A cada 100g comestíveis, encontramos boas doses de vitaminas do complexo B, potássio, cálcio, fósforo, iodo, sódio, magnésio e ferro. O sabor amargo estimula as secreções digestivas. A água do cozimento da alcachofra é um verdadeiro chá de efeito diurético, estimulante da vesícula biliar e ativador da digestão. 

É considerada um eficiente auxiliar da digestão e a ciarina – substância encontrada na planta – pode melhorar as funções do fígado. A medicina popular já consagrou esta iguaria como um perfeito alimento-remédio, ideal para as pessoas com problemas hepáticos e para os diabéticos. 

Várias experiências realizadas com o extrato da alcachofra atestaram sua eficiência na redução do excesso de gordura no sangue, porém, o simples fato de consumi-la já traz inúmeras vantagens, entre elas, o poder de combater anemias e raquitismo, pela boa dose de ferro e vitamina C que contém.

Este conteúdo faz parte de um Info-Produto de minha autoria. Trata-se da Apostila Propriedades dos Alimentos I.  

Se você leu o livro “À Procura da Felicidade” do Chef Paulo Carvalho, deve saber que quando ele teve seu insight e sua visão de futuro, vendo-se trabalhando com gastronomia até o resto de sua vida, descobrindo, portanto, seu talento, deu início a pesquisas sobre o tema e criou uma série de “Apostilas” que foram seus primeiros estudos sobre gastronomia.

Pois bem! Este E-Book é uma destas apostilas, a qual fala sobre “Propriedade dos Alimentos”. Na visão do Chef, conhecer as propriedades dos alimentos é de grande importância para que a preparação dos mesmos seja realizada da melhor forma. 

As apostilas contêm o teor original de quando foram criadas pelo Chef, incluindo a capa, que apresenta o logotipo que teria seu primeiro restaurante, mas que não foi utilizado, pois decidiu mais tarde pelo nome “Dupaolo”, sendo que “Du” quer dizer “Do” em francês e “Paolo” é “Paulo” em italiano, conforme texto retirado de seu livro: “Neste mesmo instante, já defini o nome do restaurante – Chardonié – nome associado a uma uva bastante conhecida no mundo inteiro. Elaborei também, na mesma hora, o logotipo que teria o meu restaurante no futuro. Coloquei este logotipo na capa da apostila “Receitas e histórico de pratos clássicos internacionais”, a qual foi minha primeira pesquisa na área gastronômica”.

Nesta Apostila você vai encontrar as propriedades de alimentos como carnes, frutas, manteigas, temperos, azeites, vinagres, verduras, frutas, peixes, castanhas, condimentos, laticínios, cereais, ervas aromáticas, sendo propriedades como nutrientes, processos de fabricação, origem, variedades, e muito mais, de produtos como o azeite de oliva, camarão, presunto cru, hadoque, pistache, castanha, tomate seco, mostarda, damasco, aspargo, couve de Bruxelas, alcachofra, trufas, vinagre balsâmico, caviar e muitos outros alimentos. 

Com certeza trata-se de um material que vai lhe ajudar muito a aprender mais sobre as propriedades de diversos alimentos, desde os simples até os mais complexos. Seja para você que deseja aprender mais, para cozinhar melhor para seus amigos e família, ou para você que deseja se profissionalizar, este E-Book será um ótimo aliado para seu aperfeiçoamento!

Esta série de Info-Produtos é composta pelas seguintes apostilas:

Vinhos; 
Propriedades dos Alimentos II, dando um total de treze apostilas.

Leia Também

Química dosalimentos: conheça os agentes preservativos

A tradição dobacalhau em Portugal e no Brasil


Gostou? Então deixe o seu

 Comentário abaixo :-)

Nenhum comentário:

Postar um comentário